20 de jul de 2008

Urucum









Michele Torinelli.

1 comentários:

Diane disse...

Que indía belíssima!!!
Raíssa em tuas raízes este sangue latente, estes olhos de índia.
Que esta viagem lhe traga muitas escolhas!